A casa brasileira do Phoenix Suns!


Comentários sobre a semana



Olá pra todo mundo! Alguns devem me conhecer do "primo pobre" do Phoenix Suns Brasil, o PHX Suns BR, onde eu escrevia. Pois é, escrevia. Ando com pouco tempo para ficar postando todas as coisinhas que acontecem com o time, então resolvi me focar em escrever apenas uma vez por semana, mas um texto com um pouco mais de qualidade e com uma análise mais profunda do que aconteceu com o nosso time. Sem mais demoras, vamos lá!


A semana em rapidinhas:

- Jared Dudley e seu novo contrato: 22.5 milhões por 4 temporadas
- Earl Clark não teve seu contrato renovado por mais uma temporada e se tornará um Free Agent restrito em abril de 2011
- Spurs 112 x Suns 110
- Suns 123 x Grizzlies 118
- Suns 118 - Hawks 114

A semana em longas:




Jared Dudley e seu novo contrato de 22.5 milhões por 4 temporadas:

Lon Baby e Jared Dudley chegaram a um acordo minutos antes do fim do prazo para que jogadores que ainda estavam no seu contrato de novato assinassem uma extensão e, pelo menos a princípio, o Suns saiu ganhando muito com ela. 

Por 22.5 milhões de dólares, o Suns vai manter seu melhor defensor, o melhor arremessador de três (em porcentagem) e o que mais rouba bolas durante partidas. Um jogador que qualquer time candidato ao título queria ter, seja no banco ou no time titular, um jogador que pode jogar em 3 posições. Um cara que está aprendendo a deixar de brigar com a bola e jogar basquete. Seu nome: Jared Dudley.

Desde que ele veio pro Suns, eu vi que tinha algo de diferente nele. Terry Porta não deu muito espaço para ele jogar, mas assim que ele foi chutado de Phoenix e Alvin Gentry assumiu, Dudley despontou como o melhor reserva do Suns, deixando um Leandrinho contundido anos luz atrás, exatamente por sua defesa e sua habilidade em arremessos de longe. No ano passado, a pontaria desses arremessos melhorou mais ainda. Nesse, Dudley não está acertando como antes, mas ainda assim tem demonstrado liderança vindo do banco e continua sendo uma peça fundamental para a temporada atual, além de ter mostrado que seu jogo evoluiu um pouco, já que ele tem tentado criar mais o próprio arremesso e não depender tanto de Nash (inclusive, ele tem dado aquela cortada pro meio do garrafão seguida de arremesso que Nash usa com maestria). Para finalizar, ele perdeu 15 libras (quase 7kg) para ficar mais rápido e conseguir manter o corpo na frente dos melhores armadores e alas da liga, como Kobe Bryant e Brandon Roy.

Sobre o contrato, como eu disse, é um ótimo negócio pro Suns, bem melhor do que o que o time teve que dar a Channing Frye para que ele permanecesse em Phoenix. Ponto pra diretoria do Suns.



- Earl Clark não teve seu contrato renovado por mais uma temporada e se tornará um Free Agent restrito em abril de 2011

Earl Clark é um mistério pra mim. Ele é alto, é atlético, defende bem, tem domínio de bola e tudo para ser um dos melhores alas ou alas-pivô da liga, mas não é. O que ele é é um preguiçoso maldito que, quando consegue entrar em quadra, fica arremessando tudo o que passa por ele, como se fosse Michael Jordan. Ano passado ele teve boas partidas, mas no geral foi bem decepcionante, tanto que seu contrato não foi renovado para mais uma temporada pelo Suns e ele provavelmente deixará o time ao fim dessa temporada que mal começou.

Particularmente, eu acho engraçada essa decisão. O time investiu 3 anos em Alando Tucker, que até marca pontos, mas só isso. Por que não dar mais tempo a Clark? O time ainda tinha todo esse ano e mais dois para ver se ele seria ou não um fracasso, é meio irracional para mim. 

Diz a lenda que no Draft de 2009, o Suns tinha um acordo fechado com o Warriors, eles escolheriam Stephen Curry e o mandariam junto com Biedrins, Kelena Azibuke (que agora está no Knicks) e Brendan Wright por Amar'e Stoudemire e por isso o Suns escolheu Clark, para ser seu substituto. Acontece que Don Nelson mudou de idéia e resolveu ficar com Curry (um momento de sabedoria naquela cabeça louca) e o negócio foi pro ralo e o Suns ficou a ver navios. O time desperdiçou uma escolha boa (a 15ª) que poderia ser usada para trazer alguém como Daren Colisson pro time (Dragic ainda não tinha provado ser o melhor jogador do mundo ainda e o Suns ainda carecia de um reserva, lembram?) em vez de jogar uma escolha alta fora num jogador que passou mais tempo no banco que Louis Amundson.

Enfim, essa decisão eu não apoio, mas entendo. Aliás, só por curiosidade, no NBA 2K11, eu sempre pego o Suns e faço um projeto de reconstrução mandando a maioria dos contratos altos do time pra outros lugares e Clark acaba ficando como PF titular. Uma vez eu resolvi treiná-lo de verdade ele chegou a 80 de overall, mas nem fodendo que ele chega a isso em alguma qualificação oficial.



Comentários sobre os jogos:

Não vou ficar resumindo os jogos pois o pessoal do blog já faz isso muito bem, só vou traçar alguns comentários que eu acho pertinente.

Primeiro, nosso garrafão é inexistente. Robin Lopez ainda não se acostumou a ser a única presença do garrafão e tem jogado mal (6 pontos e 6 rebotes). Quer dizer, ele tem tido uma partida boa para cada duas e meia ruins. Como ele jogou mal nos três últimos jogos, hoje é dia de jogar bem. É sério, a defesa do garrafão do Suns anda preocupante. Ontem, Al Horford fez o que queria dentro do garrafão do Suns (e pensar que ele poderia ser nosso se o Hawks não tivesse caído como terceiro time no sorteio das picks de 2008). Tim Duncan e Marc Gasol idem. Precisamos desesperadamente encontrar uma solução para isso, ou a temporada vai ser cheia de jogos apertados e derrotas no fim por causa desse grave defeito.

Olhando para o lado bom, o que vocês têm achado de Goran Dragic? Pra mim, ele é o melhor jogador do Suns atualmente (ok, pau a pau com Jason Richardson). Em apenas 18 minutos, ele tem jogado melhor do que na temporada passada, inclusive tendo jogado melhor que Nash em algumas partidas. Goran está jogando confiante e eu não consigo parar de imaginar qual seria o estrago que ele faria se fosse o armador titular do Suns (Ok, quem sabe daqui uns 2 anos, né? Será que ele aguenta até lá?).

Outro jogador que tem me agradado é Hakim Warick. Esse cara é uma máquina de Top 10 da NBA, metendo enterradas a torto e direito, ele pula demais. Aliás, tweet engraçado que eu vi outro dia desses. "Hakim Warrick tem o cavanhaque do Brian Skinner, as enterradas do Amar'e e os minutos de Louis Amundson". 100% verdade

Pra terminar, hoje temos novo jogo contra o Grizzlies às 11 da noite (sim, agora temos que somar 3 horas no horário, vai estar todo mundo com olheiras amanhã na hora de ir pra aula ou pro trabalho). Será que rola outra prorrogação e mais uma vitória do Suns? Digam vocês, os comentários estão aí pra isso.

Eu sou Eric Arraché e fica por aqui a minha coluna da segunda. Até semana que vem!

.............................................................................................................................

7 Spurs Haters já comentaram este post:

Anônimo disse...

venceremos hoje, sem dúvidas
GO Rich!

Anônimo disse...

veio...goran melhor que nash-é forçar um pouco a barra- eu acho que sou o maior pé frio aqui...essas 2 ultimas vitórias(jogos mais emocionantes)nao consegui assistir
espero que hj eu possa ver um jogo emocionante é claro com a vitória do suns!

Fê Rivers disse...

Ótimos comentários!
Goran ainda ganha um MVP. Podem printar!

Evandro disse...

Anonimo 2 - Ele disse que Dragic está melhor que nash, e não que é. E nisso eu concordo, Dragic está produzindo mais no momento.

Fe - Print feito :D

Pedro Henrique disse...

Parabéns pelo artigo Eric!

E digo mais uma vez, bem-vindo à equipe! Você trazer muita qualidade pro blog.

Abraço!

Luciano Junior disse...

Muito bom ao artigo!
Bem vindo a familia(sem ser a do "Gaystart")SunsBrasil

e adorei o primo pobre do SunsBr

Abraços

Eric Arraché disse...

Haha, só li agora os comentários, obrigado pelas boas vindas :)

Postar um comentário

Deixe sua opinião!